Novos museus para visitar no mundo

“Você deve, em qualquer caso, ir para o museu frequentemente”. Foi esse o conselho do pintor holandês Vincent Van Gogh ao seu irmão, Theo van Gogh, em 1873. A nós, só cabe concordar. E para inspirá-los, listamos alguns novos ou reformados museus inaugurados no último ano e os que já têm data marcada para abrir suas portas em 2016. Confira:

San Francisco Museum of Modern Art (SFMOMA)
San Francisco, Estados Unidos

Reabertura: 14 maio 2016

SFMOMA. Foto: Henrik Kam, courtesia SFMOMA.

SFMOMA. Foto: Henrik Kam, courtesia SFMOMA.

A tão aguardada espera pela expansão do Museu de Arte Moderna de San Francisco chegou ao fim. O museu reabriu as suas portas no dia 14 de maio, depois de três anos fechado para reforma. Projetado pelo escritório de arquitetura norueguês Snøhetta, o anexo teve seu tamanho mais que dobrado – com quase 16.000 m² distribuídos em dez andares. Assim, o SFMOMA tornou-se o maior museu de arte contemporânea dos Estados Unidos. Logo na abertura, o museu ostentou suas novas proporções com a inauguração de 19 exposições. Além das mostras temporárias, o espaço abriga um acervo com mais de 26 mil obras.

La Cité du Vin
Bordeaux, França

Inauguração: 1° junho 2016

La Cité du Vin
Centro de algumas das vinícolas mais importantes da França, Bordeaux ficará ainda mais interessante a partir de 1º de junho, com a abertura do La Cité Du Vin. O museu, com uma extraordinária arquitetura, fará uma viagem pela história das grandes culturas do vinho, partindo da Mesopotâmia até chagar à Califórnia. Para completar, claro que não faltará passeios para degustação nas vinícolas da região.

Tate Modern
Londres, Inglaterra

Inauguração: 17 junho 2016
Tate Modern

Instalada em uma antiga estação de energia, a Tate Modern foi aberta em 2000 e se firmou como o mais visitado museu de arte moderna e contemporânea do mundo. Em 17 de junho, será aberta uma nova Tate. Assim como a original, a expansão foi projetada pelos arquitetos Herzog & de Meuron, que criaram um prédio torcido piramidal, em cima de antigos tanques de petróleo da estação. Ao todo, serão 10 andares – segundo o diretor da Tate, Nicholas Serota, foi preciso encontrar uma nova maneira de expor a coleção, uma vez que arte mudou muito nos últimos 15 anos.

Louvre Abu Dhabi
Abu Dhabi, Emirados Árabes

Inauguração: 2017
Louvre Abu Dhabi cópia

Ha´ alguns anos, o governo local resolveu transformar Abu Dhabi na capital cultural do Oriente Me´dio, com um investimento de cerca de 650 milhões de dólares. Parte dessa concretização poderá ser vista no final de 2016, com a inauguração do ousado Louvre Abu Dhabi.  Abraçado pelo oceano, o museu “flutuante” abrigará um complexo de galerias de arte, praças e canais. Contará com exposições permanentes e temporárias de obras de sua matriz, além de empréstimos de notáveis instituições de arte como o Musée d’Orsay e o Centre Pompidou, de Paris.

Chaplin’s World Museum
Vevey, Suíça

Inauguração: 17 abril 2016
O Garoto - Chaplin's World Museum - foto Grévin
Em abril foi aberto o primeiro museu do mundo dedicado a Charlie Chaplin, na casa onde morou durante 25 anos na cidade de Vevey, às margens do Lago Genebra. Planejado durante 15 anos, o Chaplin’s World homenageia o ator britânico e proporciona aos visitantes um mergulho em seu universo com instalações interativas. Um estúdio proporciona uma imersão no trabalho de Chaplin por meio de clips e sets que recriam cenas de filmes lendários, como Tempos Modernos, O Vagabundo e O Garoto. Os fãs podem, também, visitar os cômodos da casa que guardam objetos pessoais e documentos de Chaplin.

Audain Art Museum
Whistler, Canadá

Inauguração: março 2016

Audain Art Museum, Whistler. Photo by Justa Jeskova.

Audain Art Museum, Whistler. Foto: Justa Jeskova.

Uma das maiores estações de ski da América do Norte, Whistler expandiu sua cena artística com a abertura do Audain Art Museum. O museu foi concebido no final de 2012 pelo construtor canadense Michael Audain, com o intuito de abrigar sua extensa coleção obras da Colúmbia Britânica, além de exposições temporárias. O acervo abrange desde o século 18 até os dias de hoje, incluindo uma espetacular coleção de máscaras do século 19 e coleções de renomados artistas como Emily Carr e Edward J. Hughes.

The Broad
Los Angeles, EUA

Inauguração: setembro 2015

the_broad_photo_by_iwan_baan_3811 cópiaPode-se facilmente passar o dia inteiro admirando o mais novo museu de Los Angeles, inaugurado em 2015, e já considerado o mais importante dedicado à arte contemporânea na cidade. O badalado estúdio de design Diller Scofidio Renfro criou um prédio vistoso, de linhas modernas e aspecto futurista, em Downtown Los Angeles, para abrigar cerca de duas mil obras, incluindo trabalhos destacados de nomes de prestígio, como Andy Warhol, Jeff Koons, Roy Lichtenstein, Keith Haring e Cindy Sherman.

Garage Museum of Contemporary Art
Moscou, Rússia

Inauguraçao – junho 2015

O museu de arte contemporânea de Moscou.

O museu de arte contemporânea de Moscou.

Quando criada 2008, a então Garage Gallery ocupava uma antiga garagem de ônibus– daí o nome da galeria. Em 2015, um restaurante da era soviética, em meio ao belo Gorky Park, foi o lugar escolhido para ser a nova do museu de arte contemporânea de Moscou. Remodelado pelo visionário arquiteto holandês Rem Koolhaas, o espaço abriga cinco galerias de exposições, além de auditório, biblioteca e café.

Para mais inspirações de viagens, acesse teresaperez.com.br.

Leave a comment

Subscribe Scroll to Top
Visit Us On FacebookVisit Us On TwitterVisit Us On YoutubeVisit Us On PinterestCheck Our Feed