Expedição da Silversea refaz rota lendária pela Passagem do Noroeste

EX0981

A Passagem do Noroeste, também conhecida como rota marítima do norte, ficou famosa por seus canais rasos e gelos flutuantes, mas, principalmente, por se mostrar extremamente desafiadora ao longo da história – esse trecho que liga o Oceanos Pacífico ao Atlântico passa quase todo o ano congelado! Em uma época desprovida de tecnologia, com utensílios e barcos não tão preparados como hoje, Roald Amundsen, partiu em uma jornada marítima que duraria três anos, de 1903 a 1906. Ao fim dessa aventura, o jovem se tornou o primeiro a conseguir percorrer a passagem que liga o  oriente ao ocidente com sucesso. E agora, em 2014, quem repete o feito é um cruzeiro da Silversea Cruises, com o barco Silver Explorer.

O percurso todo levou 23 dias e começou em Kangerlussuaq, na Groelândia, seguiu uma rota pelo Arquipélago Ártico Canadense, até chegar em Nome, no Alasca. Segundo o diretor de planejamento e desenvolvimento estratégico da expedição, Conrad Combrink, a experiência é ideal para aventureiros e exploradores natos. “Estamos honrados por saber que o que era um sonho impossível de se realizar para nomes como o capitão James Cook, agora é um capítulo de sucesso na história da Silversea Expeditions“.

Para mais informações sobre viagens acesse www.teresaperez.com.br.

Leave a comment

Subscribe Scroll to Top
Visit Us On FacebookVisit Us On TwitterVisit Us On YoutubeVisit Us On PinterestCheck Our Feed